segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Aliança de Davi e Jônatas - 2ª Parte.





                             

Estudo feito pelo casal André e Raimar, trabalhamos com famílias há quatro anos, somos membro da Igreja Batista da Família.














 Este estudo é muito importante que seja acompanhado com uma bíblia.

  



                                        Aliança de Davi e Jônatas - Parte II.

I Sm 18:3 Então Jônatas fez um pacto com Davi, porque o amava como à sua própria vida.
4 E Jônatas se despojou da capa que vestia, e a deu a Davi, como também a sua armadura, e até mesmo a sua espada, o seu arco e o seu cinto.
I Sm 20:12 E disse Jônatas a Davi: O Senhor, Deus de Israel, seja testemunha! Sondando eu a meu pai amanhã a estas horas, ou depois de amanhã, se houver coisa favorável para Davi, eu não enviarei a ti e não to farei saber?
13 O Senhor faça assim a Jônatas, e outro tanto, se, querendo meu pai fazer-te mal, eu não te fizer saber, e não te deixar partir, para ires em paz; e o Senhor seja contigo, assim como foi com meu pai.
14 E não somente usarás para comigo, enquanto viver, da benevolência do Senhor, para que não morra,
15 como também não cortarás nunca da minha casa a tua benevolência, nem ainda quando o Senhor tiver desarraigado da terra a cada um dos inimigos de Davi.
16 Assim fez Jônatas aliança com a casa de Davi, dizendo: O Senhor se vingue dos inimigos de Davi.
O texto fala da aliança entre Davi e Jônatas, filho de Saul. Davi foi um homem escolhido por Deus para reinar em Israel. Ele havia sido ungido rei pelo profeta Samuel, todavia, Saul ainda reinava sobre o povo. Apesar de Deus já o ter rejeitado, ele continuava no trono em Israel.
A Bíblia afirma que a partir daquela unção o Espírito do Senhor se apoderou de Davi e o primeiro desafio que ele enfrentou após a unção foi o gigante Golias. Sabemos que ele acabou com Golias e com a vergonha de Israel. A partir daí, Davi deixa de ser um pastor de ovelhas anônimo e passa a ser admirado por muitas pessoas.
A primeira pessoa que declaradamente se encanta com Davi, com sua coragem, o seu carisma e pela presença de Deus em Davi é Jônatas, um príncipe guerreiro filho de Saul.
A Bíblia fala que Jônatas fez uma aliança com Davi.


sexta-feira, 8 de outubro de 2010

O PODER DE UMA ALIANÇA - 1ª PARTE.

                             

Estudo feito pelo casal André e Raimar, trabalhamos com famílias há quatro anos, somos membro da Igreja Batista da Família.



















 Este estudo é muito importante que seja acompanhado com uma bíblia.














                                              O poder de uma Aliança
Segundo o dicionário da língua portuguesa, aliança significa:
Acordo, pacto,união pelo casamento, usado como símbolo de noivado ou casamento.
A Bíblia relata varias aliança que Deus fez com o Homem ao longo da História, mas o que nos chama atenção para este estudo é:
 
 Iº      aliança do povo de Israel com Deus e que foi quebrada pelos Gibeonitas.
 IIº     A aliança de Davi com  Jônatas.
IIIº    A nova aliança com Jesus Cristo.
                           


  aliança do povo de Israel com Deus e que foi quebrada pelos Gibeonitas,1ª parte.
                                       

                                            Josué 9-1;13









1 E SUCEDEU que, ouvindo isto todos os reis, que estavam aquém do Jordão, nas montanhas, e nas campinas, em toda a costa do grande mar, em frente do Líbano, os heteus, e os amorreus, os cananeus, os perizeus, os heveus, e os jebuseus, 
2 Se ajuntaram eles de comum acordo, para pelejar contra Josué e contra Israel. 
3 E os moradores de Gibeom ouvindo o que Josué fizera com Jericó e com Ai, 
4 Usaram de astúcia, e foram e se fingiram embaixadores, e levando sacos velhos sobre os seus jumentos, e odres de vinho, velhos, e rotos, e remendados; 
5 E nos seus pés sapatos velhos e remendados, e roupas velhas sobre si; e todo o pão que traziam para o caminho era seco e bolorento. 
6 E vieram a Josué, ao arraial, a Gilgal, e disseram a ele e aos homens de Israel: Viemos de uma terra distante; fazei, pois, agora, acordo conosco. 
7 E os homens de Israel responderam aos heveus: Talvez habitais no meio de nós; como pois faremos acordo convosco? 
8 Então disseram a Josué: Nós somos teus servos. E disse-lhes Josué: Quem sois vós, e de onde vindes? 
9 E lhe responderam: Teus servos vieram de uma terra mui distante, por causa do nome do SENHOR teu Deus, porquanto ouvimos a sua fama, e tudo quanto fez no Egito; 
10 E tudo quanto fez aos dois reis dos amorreus, que estavam além do Jordão, a Siom rei de Hesbom, e a Ogue, rei de Basã, que estava em Astarote. 
11 Por isso nossos anciãos e todos os moradores da nossa terra nos falaram, dizendo: Tomai em vossas mãos provisão para o caminho, e ide-lhes ao encontro e dizei-lhes: Nós somos vossos servos; fazei, pois, agora acordo conosco. 
12 Este nosso pão tomamos quente das nossas casas para nossa provisão, no dia em que saímos para vir a vós; e ei-lo aqui agora já seco e bolorento; 
13 E estes odres, que enchemos de vinho, eram novos, e ei-los aqui já rotos; e estas nossas roupas e nossos sapatos já se têm envelhecido, por causa do mui longo caminho. 

Observamos que  os Gibeonitas mentirão para Josué para alcançar seus objetivos.
                                                  
                                                     Josué 9;14
14 Então os homens de Israel tomaram da provisão deles e não pediram conselho ao SENHOR. 
Os Israelitas não consultaram a Deus.
                              
                                                     Josué 9;19






19 Então todos os príncipes disseram a toda a congregação: Nós juramos-lhes pelo SENHOR Deus de Israel, pelo que não lhes podemos tocar. 
O voto da aliança teve que permanecer pelo fato do juramento que foi feito em nome do Senhor o Deus de Israel.
Uma aliança não pode ser quebrada, pois o diabo sabe do poder que tem uma aliança, usando os Gibeonitas a mentirem para Josué.                                                  

Podemos ver agora o verdadeiro sentido de uma aliança.
Lembra-se  de quando nós fizemos os votos matrimonias, do dia do seu casamento, os votos que fizemos no altar ou ao juiz no forum.
A principio devemos observar que como Josué nós não consultamos a Deus, se é da sua vontade que venhamos a fazer uma aliança com o nosso conjugue.
Pela paixão fazemos os votos, logo depois descobrimos que o nosso conjugue é um Gibeonita, um verdadeiro mentiroso envolvido com tudo de errado e queremos quebra a aliança no qual fizemos um juramento diante de Deus, que devemos ama-lo o nosso conjugue na tristeza ou na alegria, na saúde ou na doença etc.
Pelo fato acontecido descobrimos que não amamos mas o nosso conjugue e queremos a separação.
                                       Mas o que Deus diz sobre isso?
                                        
                                                  Josué 9;19-20


19 Então todos os príncipes disseram a toda a congregação: Nós juramos-lhes pelo SENHOR Deus de Israel, pelo que não lhes podemos tocar. 

20 Isto, porém, lhes faremos: conservar-lhes-emos a vida, para que não haja grande ira sobre nós, por causa do juramento que já lhes fizemos. 
Quando um juramento é quebrado a maldição a ira divina cai sobre as pessoas que quebraram a aliança, observe o texto de  Malaquias 2;16 .

16 Porque o SENHOR, o Deus de Israel diz que odeia o divórcio, e aquele que encobre a violência com a sua roupa, diz o SENHOR dos Exércitos; portanto guardai-vos em vosso espírito, e não sejais desleais. 
Deus odeia  o divórcio, cuidado para você não quebrar a aliança feita com Deus.





                                              O que devo fazer?
A principio você tem que ter consciência   de que você não é um velho Homem
( Mulher), de coração duro é necessário ter Jesus em seu coração, pois ele é de carne e você é uma nova criatura.
Não importa o que seu conjugue fez ou está fazendo o importante é que você tenha consciência da aliança feita com Deus.
peça a Deus que mude sua História de vida e dê ao seu conjugue a salvação .
Sempre perdoei pois Jesus Cristo foi a cruz no seu momento de sofrimento ele intercedia ao Pai que perdoasse pois nós não sabíamos o que estávamos fazendo.
volte a amar o seu conjugue, peça a Deus que acenda está chama no seu coração.

                                               Vamos orar.
Pai em nome de seu filho amado Jesus Cristo, nos colocamos diante da tua presença este leitor(a), mude a história de vida desta pessoa dê força para suportar com amor, pois sabemos que o Senhor transforma e cura, entregamos a vida do conjugue deste leitor(a) e transforme o seu caráter, que venham ser um homem ou mulher segundo o seu coração, Deus sabemos que o Senhor não nos abandona, toma está família que está desesperada precisando de um milagre, repreenda toda arma forjada contra esta família, todo trabalho feito para destruição deste lar onde as forças malignas estavam perturbando a vida  de seus servos e decretamos pelo nome do Senhor Jesus Cristo a derrota do império do inimigo de nossas almas, agora quebramos qualquer pacto feito com o nosso adversário,  dê ordem a seus anjos para nos Livramos de todo mal, nós te agradecemos por tudo o que fez e irá fazer através  de seu filho amado Jesus Cristo, amém!
                                              André de Ray.
                      
                           Entre Em contato andrederay@hotmail.com

A Bíblia Contém o plano de Deus para Alcançar uma qualidade e saúde na vida familiar. Os cristãos são aconselhados a ensinar e praticar a Palavra de Deus.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

COMO SER FELIZ NO CASAMENTO.

 Construindo uma casa ou um lar.


                            


Estudo feito pelo casal André e Raimar, trabalhamos com famílias há quatro anos, somos membro da Igreja Batista da Família.








 Este estudo é muito importante que seja acompanhado com uma bíblia.


                                                
                                                Em Lucas 6;46 – 49 diz:
E por que me chamais, SENHOR, Senhor, e não fazeis o que eu digo?
 Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante:
 É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha.
 Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.
O que verdadeiramente estamos construindo, um lar ou uma casa.

Para a construção de uma casa precisamos de pessoas especializadas para nos orientar referente à fundação, como engenheiro civil cujo mesmo é responsável pela obra.
O mas interessante é que nós seguimos a risca ou obedecemos tudo o que o engenheiro nos diz, pois temos medo que a casa venha desabar.

Para a construção de um lar precisamos de uma pessoa especializada no assunto e nada melhor do que o próprio inventor e idealizador de famílias cujo mesmo é responsável pela construção, manutenção e reforma, mas nós não gostamos de obedecer e provavelmente iremos desmoronar, pois não damos ouvido ao engenheiro dos engenheiros, arquiteto dos arquitetos o seu nome é Jesus Cristo, como afirma                                           Lucas 6;46(E por que me chamais, SENHOR, Senhor, e não fazeis o que eu digo?).

Para a edificação de uma casa é necessário fazer uma boa edificação, quanto maior for à profundidade no alicerce maior será está casa.
Precisamos colocar ferragem, cimento, areia, britas, blocos e o acabamento final, pois sabemos que as adversidades do tempo, como chuva, vento, sol, iram destruir sua casa, e sobre tudo tem que ter uma manutenção para não houver uma desvalorização ou um desgaste do imóvel.

Para a edificação de um lar precisamos fazer uma boa edificação, quanto maior for à profundidade no alicerce maior será a estrutura e fortaleza do seu lar como nos ensina Jesus, é necessário abri bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha.
Como afirma  Lucas 6;48 (É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha).
Para um casamento bem sucedido não bastar estar somente sobre a rocha é necessário cavar a rocha.
Como podemos cavar ou perfurar uma rocha?
Segundo empresas como a Petrobras, para ser feita uma perfuração sobre uma rocha para extrair petróleo é necessário ter uma broca de aço cujo na sua cabeça é envolvida pedras de diamantes e água para o resfriamento da broca para com que ela não venha se quebrar.
Assim podemos imaginar três elementos fundamentais para a perfuração da rocha.
A broca de aço.
A pedra de diamante.
A água.
A broca de aço poder ser representada como o homem e sua força, porem sozinho ele se destruiria, pois não conseguiria perfura a rocha. Gênesis 2:18 (E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele).

A pedra de diamante pode ser representada como a mulher, com sua sabedoria, porem sozinha ela não conseguiria perfura a rocha.
Provérbios 12:4 – parte – a (A mulher virtuosa é a coroa do seu marido).
Então podemos entender que a mulher é a coroa do seu marido, ou seja, o diamante que envolve a cabeça da broca para a perfuração da rocha.

A água pode ser representada como Jesus Cristo. Apocalipse 21:6 (E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem quer que tenha sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida).
Quando o casal está em desacordo e o clima está quente é necessário a intervenção de Jesus cristo como Água  da vida, para o esfriamento da broca(homem) e do diamante (mulher) para poder continuar a perfuração da rocha e o casal viverem em uma vida santificada e madura no seu crescimento espiritual.

Para a construção de um lar feliz é necessário ter este três elementos básicos em nossas vidas.
O marido. (A broca)
A esposa. (O diamante)
Jesus. (Água da vida)

Também é necessário colocarmos na fundação matérias importantes como:
                                            
                                                      Aliança.

O cônjuge tem que saber a importância do voto matrimonial que foi feito diante de Deus.
                                          
                                                      Malaquias 2:14
E dizeis: Por quê? Porque o SENHOR foi testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, com a qual tu foste desleal, sendo ela a tua companheira, e a mulher da tua aliança.
                                              
                                        Papeis.

 Os cônjuges devem saber suas funções, como o marido é o sacerdote do lar, a mulher tem que saber sua função como coroa do marido.
                                      
                                                   Efésios 5;33                                            
Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido.

                                                   Acordo.
É necessário que ambos os cônjuge tenham a maturidade e andem juntos em acordo.

                                                   Amós 3:3
Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo?                                      
                                        
                                            Perdão.
É a liga da fundação, ou seja, a parte, mas importante na fundição onde suporta todo o peso da estrutura de um lar.

                                                        Marcos 11:25-26
E, quando estiverdes orando, perdoai se tendes alguma coisa contra alguém, para que vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe as vossas ofensas.
 Mas, se vós não perdoardes, também vosso Pai, que está nos céus, vos não perdoará as vossas ofensas.
                                                        I Pedro 3;7
Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.

Podemos ver nos noticiários, noticias de informação das adversidades do tempo como enchentes desmoronamentos e até tsunami, quando estes fatores acontecem podemos ver, destruição de casas e até mesmo a destruição de uma cidade, porem algumas casas bem alicerçadas continua firmes e sua perca é mínima possível.

Não é diferente quando falamos de um lar, as adversidades também aparece e podem bater na sua porta, como o desemprego, doenças, drogas, prostituição, mentira, etc.
Tudo isso trais um desgaste natural no relacionamento, causando o divorcio e a destruição da família.
                                                         Lucas 6;49
Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.

Lembro-me da história do mestre de obras, um excelente funcionário de uma grande construtora, seu João, assim o chamavam a todos o que o conheciam.
Sempre trabalhou com qualidade, pontualidade e detalhista em tudo o que fazia, recebia constantemente elogios das empresas que o contratavam para a construção de casas.
Como todo funcionário um dia chegou a tão sonhada aposentadoria todo alegre e muito feliz chegou à empresa comentando com os amigos que hoje seria o ultimo dia de trabalho.
O seu chefe, que era o dono da empresa o chamou e disse:
Seu João o senhor dedicou todo o seu tempo na empresa recebeu os melhores elogios de clientes e por isso eu queria te pedir um grande favor, um grande homem ilustre desta cidade quer construir uma casa e gostaria que nós o construíssemos, eu te peço que você faça esta ultima casa e depois você se aposenta.
Seu João não teve escolha e ficou quatro meses construindo à casa, muito triste no seu coração seu João não era mas o mesmo, colocou os piores pisos e azulejos, colocou os pontos de luz sem a fiação em alguns cômodo, colocou as piores portas nos quartos, não se atentou para a planta da casa colocou a frente da casa no nascente pegando o sol da manhã, colocou os quartos no poente pegando o sol da tarde, não colocou um poço de ventilação e assim a casa ficou muito quente, não colocou um tanque sub-terânio para supri a falta de água, colocou o caimento do banheiro para os quartos, todas as vezes que usarem o banheiro molharia todo o quarto.
Afinal os meses se passaram e seu João entregou a chave da sua ultima casa construída a seu chefe.
Momentos depois o seu chefe reuniu todos os funcionários e disse:
Hoje se aposenta o melhor funcionário que esta empresa já teve nestes trinta e cinco anos, é com muita alegria que chamamos seu João, a frente para a entrega da sua aposentadoria e em nome desta empresa e funcionário entregamos a seu João a chave da sua ultima casa construída por ele durante este quatro meses, esperamos que o Sr e sua família posam  usufruir das melhores instalações que o Sr construiu.    

Caro leitor, que tipo de material estamos construindo nossos lares.
Será que estamos dando ouvido as palavras de Jesus e as praticando para sermos semelhantes ao homem prudente ou ao homem insensato que não ouve as palavra de Jesus e não as praticas.
O que está faltando para melhorar seu casamento?
                                      
                                                 Vamos orar.
Pai em nome de teu filho amado Jesus Cristo que deu sua vida por amor a nós, estamos te entregando a vida e o casamento deste leitor em confirmação com tua palavra que está escrito em Efésio 3;14(Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo). Por causa do problema que este casal está passando, pedimos que o senhor viesse intervir na mudança do caráter  e na transformação destas vidas, como está escrito na sua palavra em Malaquias2;16 (Porque o SENHOR, o Deus de Israel diz que odeia o divórcio, e aquele que encobre a violência com a sua roupa, diz o SENHOR dos Exércitos; portanto guardai-vos em vosso espírito, e não sejais desleais). Sabemos que o Senhor odeia o divórcio  e os que se encobre de violência ,pedimos que o senhor neutralize toda investida do nosso inimigo de nossas almas, e mude a História da vida deste casal, pois através de Jesus Cristo somos também seus filhos e o que te pedimos em nome de Jesus cristo.
                                   André de Ray..

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Entregue o seu Isaac a Deus.





Estudo feito pelo casal André e Raimar, trabalhamos com famílias há quatro anos, somos membro da Igreja Batista da Família.







 Este estudo é muito importante que seja acompanhado com uma bíblia.




Em Gênesis 22:1, 2 - E ACONTECEU depois destas coisas, que provou Deus a Abraão, e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaac, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi.



Muitos teólogos e pregadores entendem e defendem suas teses de que este versículo Abraão sacrifica o seu único filho Isaac pelo amor e obediência a Deus, com certeza nós afirmamos e defendemos este ponto de vista teológico, só que queremos mostrar de um novo ângulo ou interpretação dando ênfase neste versículo, trazendo assim uma nova visão ao contexto.
Vamos entender um pouco da história de Abraão sobre o seu nascimento.
Abraão nasceu perto ou mesmo na cidade de Ur no sul da Mesopotâmia. O pai de Abraão Terá tinha dois outros filhos, Naor e Harã o pai de Ló (Gn 11.27 que diz: E estas são as gerações de Terá: Terá gerou a Abrão, a Naor, e a Harã; e Harã gerou a Ló).
O relato de Gênesis não menciona Deus aparecer a Abraão antes da partida de Ur, mas (At. 7.2,3, 4 diz: E ele disse: Homens, irmãos, e pais, ouviram. O Deus da Glória apareceu a nosso pai Abraão, estando na Mesopotâmia, antes de habitar em Harã. E disse-lhe: Sai da tua terra e dentre a tua parentela, e dirige-te à terra que eu te mostrar. Então saiu da terra dos caldeus, e habitou em Harã. E dali, depois que seu pai faleceu, Deus o trouxe para esta terra em que habitas agora.) Claramente aplica a ordem de (Gn 12.1,2, 3 ORA, o SENHOR disse a Abraão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção. E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.)
À altura em que a família ainda vivia em Ur.
A vida de Abraão não é muito diferente de nós, às vezes nascemos em lares idolatras ou até mesmo em lares de uma religiosidade tremenda, mas, quando ouvimos a voz do nosso Senhor Jesus poderia tomar a mesma atitude de Abraão eis-me aqui.
Vamos refletir o nosso passado quem era os nossos pais, ou o que fazíamos com os amigos na escola no trabalho, ou que tipo de pessoas nós nos relacionávamos.
E hoje o que estamos vivendo, será que é a mesma idolatria ou a religiosidade de nossos pais ou até mesmo herdamos as práticas erradas de nossos pais.
Vamos ouvir o chamado de Deus para as nossas vidas.
Ao ouvir o chamado, Abraão passou a ter um relacionamento com Deus e o Senhor pede a Abraão um sacrifício de algo que ele, mais desejou e amou em sua vida, o seu único filho (Gn 22.12 diz: E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaac, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi)
Vamos observar este versículo de outra forma, hoje em nossas vidas o que realmente amamos e desejamos muito:
Será que amamos mesmo os nossos cônjuges ao ponto de sacrificarmos?
Estamos pronto ao ponto de matar todos os nossos desejos carnais como prostituição, mentiras, na verdade dizemos que amamos o nosso cônjuge, mas, no fundo desejamos está em site pornográfico, salas de bate papos, vendo revistas e filmes pornográficos, conversando sobre todo tipo de pornografias tendo amantes e vivendo uma mentira afirmando para a sociedade ou a Igreja que amamos nosso cônjuge, mas, no fundo, amamos tudo de errado que vai contra os princípios de Deus, agora estamos identificando o nosso Isaac que tanto desejamos.
Será que amamos mesmo os nossos filhos ao ponto de sacrificarmos?
Que tipo de criação estará dando para os nossos filhos, se nós somos o exemplo em nossas casas e passamos a ser permissivos com tudo, incentivando os filhos a se prostituir, se não damos exemplo em casa e às vezes incentivamos e empurramos por causa da cultura machista, impregnado em nossa cultura que o homem deve pegar todo tipo de mulher, pois este puxou ao pai retado, ou seja, um prostituto, onde o seu filho já na adolescência quer afirmar a sua masculinidade.
Incentivar o filho a ver revistas e visitar sites pornográficos e beber, pular carnaval etc. Pois na verdade precisamos converter a nossa alma, corrigir o nosso caráter para podermos ser um exemplo de vida para os nossos filhos como José foi ao Egito e Daniel
temente aos princípios de Deus (PV 22:6 diz: Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.)
Deus pede a Abraão um sacrifício de algo que ele, mais desejou e amou em sua vida, o seu único filho (Gn 22.2 diz: E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaac, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi.)
O monte Moriá, hoje representa o altar do Senhor,onde devemos sacrificar tudo que, mais amamos como: Prostituição, roubo, mentira, drogas, etc. Tudo que se refere ao pecado.
Lembre-se ao ouvir o chamado de Deus hoje chamando pelo seu nome diga: Eis-me aqui, entregue seu Isaac a Deus em uma Igreja evangélica, mais próxima de sua casa e creia que Deus tem o melhor desta terra para você e sua família.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Ressuscitando o nosso csamento.

Estudo feito pelo casal André e Raimar, somos membros da Igreja Batista da Família.







O Brasil atinge maior taxa de divórcio desde 1984, cresce 200% em 23 anos no País diz IBGE.

SÃO PAULO - O Brasil atingiu, neste ano, a maior taxa de divórcio desde 1984, ano em que a separação foi instituída. Em 2007, para cada quatro casamentos civis realizados foi registrada uma separação, atingindo a taxa de 1,49 divórcios por cada mil habitantes, A taxa de divórcios no Brasil cresceu 11,5%, passando de 160.848 para 179.342 em todo o País.

Em quanto você ler este estudo um casal está se divorciando, e nós o que temos feito para mudar essa realidade?

Como podemos restaurar um casamento se o meu está passando por problemas, o que fazer?

Para melhorar e compreendermos o nosso estudo é bom ter uma bíblia em mãos.

Em João 11; 38,44, a Bíblia fala sobre a ressurreição de Lazaro, nada melhor para compreendermos a situação em que encontra o nosso casamento.

A primeira atitude que devemos ter é de reconhecer nossas falhas e matar o nosso orgulho, pois vivemos a dois, pensamos em dois e agimos a dois é por isso que somos uma só carne.

No mundo competitivo que vivemos deixamos de prestar atenção nos princípios de Deus e passamos algum tempo que resta livre na internet ou televisão e deixamos de nos relacionar com o Deus eterno.



Em João 11; 21, Disse, pois, Marta a Jesus: Senhor, se tu estivesses aqui, meu irmão não teria morrido.



Essa é uma questão importante, pois Marta está se referindo que se Jesus estivesse presente, Lazaro não teria morrido.

Assim se encontra o nosso casamento, se o Senhor Jesus estivesse presente na vida do meu cônjuge ele não estaria morto espiritualmente.

Em João 11; 22 Mas também agora sei que tudo quanto pedires a Deus, Deus to concederá.

Esse é o primeiro erro, não investimos tempo de oração, para mostrar a Deus os problemas do nosso relacionamento, principalmente o caráter corrompido do nosso cônjuge, preferimos dizer que está tudo bem e nos esconder em uma máscara e pedindo para outros orarem pelo meu relacionamento se é meu o dever de nutrir meu casamento.

Nessa atitude de Marta podemos entender que tudo pode está desfavorável para nós, mas nada é impossível para Deus até mesmo o caráter do nosso cônjuge corrompido Deus restaura e ressuscita o morto, tenha atitude como Marta para intercedermos pela situação.

Em João 11; 40 Disseram-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?



Jesus Cristo disse para Marta se creres, verás a glória de Deus, temos que crê na restauração do nosso casamento não importa o que esteja acontecendo eu tenho que crê que Deus tem o melhor para mim, eu desejo e vou lutar para melhorar meu relacionamento.



Em João 11; 41 Tiraram, pois, a pedra de onde o defunto jazia. E Jesus, levantando os olhos para cima, disse: Pai, graças te dou, por me haveres ouvido.



Jesus manda Marta tirar a pedra onde o defunto jazia, aprendemos que é necessário tirar a pedra que está atrapalhando o nosso casamento. Mas que pedra é essa, a pedra do PERDÃO.

Independente que meu cônjuge tenha feito, eu não tenho um coração duro, pois não foi feito de pedra e sim de carne, pois quando eu aceitei Jesus Cristo, Ele transformou meu coração duro por um de carne e um dos princípios de Jesus é que devemos perdoar os nossos próprios inimigos e às vezes os nossos inimigos somos nós mesmos dentro de nossas casas.



Em João 11; 43,44 E, tendo dito isto, clamou com grande voz: Lázaro sai.

E o defunto saiu, tendo as mãos e os pés ligados com faixas, e o seu rosto envolto num lenço. Disse-lhes Jesus: Desligai-o, e deixai-o ir.



Ao ver a atitude de Marta e sua fé, pois ela acreditava que Jesus ressuscitaria Lazaro, Ele clamou com grande Voz: Lázaro sai.

Eu creio que quando seu cônjuge ouvir a voz de Deus ele vai ressuscitar, porém temos que ter um pouco de paciência, pois Lazaro quando saiu Jesus pediu para tirar as faixas e o lenço que o envolvia.

Assim se encontrará seu cônjuge envolvido e amarrado pelo pecado, tire tudo aquilo que enrola o seu cônjuge, como prostituição, mentiras, drogas, etc.





André e Raimar trabalha com Famílias há quatro anos, Lembre-se do chamado de Deus em Malaquias 2;16



Eu odeio o divórcio, diz o Senhor, o Deus de Israel.



VENHAM PARTICIPAR DO NOSSO ENCONTRO DE CASAIS, É UM CURSO DE CASAIS QUINZENAIS AS QURTA-FEIRAS, O SEU CASAMENTO JAMAIS SERÁ O MESMO...

É UM CURSO QUE PROPORCIONA UM AMBIENTE AGRADÁVEL E INSPIRADOR, ONDE OS TEMAS SOBRE FAMÍLIA E RELACIONAMENTO A DOIS SÃO LEVADOS A SÉRIO.



.

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

LIÇÕES DA ARCA DE NOÉ PARA 2010.




1 º - NÃO PERCA O BARCO.

                                                         
                        

PODE SER CADA OPORTUNIDADE ÚNICA NA VIDA.



                                                     


2 º - Planeje PARA O FUTURO.





Não estava chovendo NOÉ construiu A ARCA, POR ISSO APRENDA A OUVIR E CONFIAR EM DEUS.



3 º - MANTENHA-SE PRONTO.




NOÉ NÃO ERA NENHUM GAROTO QUANDO DEUS''''O ESCALOU, PORÉM ESTAVA PRONTO!





4 º - SE''''DEUS TE ESCALOU, NÃO DE OUVIDO ÀS CRITICAS.




ZOMBAVAM DE NOÉ POR ESTAR CONSTRUINDO UM BARCO NO MEIO DO DESERTO, NÃO DÊ OUVIDOS AOS CRÍTICOS; APENAS CONTINUAR A FAZER O QUE DEUS''''TE MANDOU.



5 º - MANTENHA-SE FIEL AO PROJETO DE DEUS.


''DEUS''MESMO desenhou A ARCA E DEU O PROJETO A Noe; EA ARCA resistiu METEREOLÓGICO AO MAIOR FENÔMENO DA TERRA.

A ARCA FOI CONSTRUIDA POR AMADORES, O TITANIC POR PROFISSIONAIS.

MANTER-SE FIEL AOS PLANOS DE''DEUS É A GARANTIA DE VITÓRIA.




6 º - NÃO Désespéré: A TEMPESTADE VAI PASSAR.



QUANDO MENOS ESPERAR, UM BELO ARCO-ÍRIS IRÁ APARECER NA SUA FRENTE, rompendo OS DIAS DE ESCURIDÃO, É O SINAL DE DEUS''''DE QUE TUDO VAI MELHORAR.










André e Raimar.

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Como ter tempo para amar minha família?





Reflexão




Quando Joey tinha somente cinco anos, a professora do jardim de infância pediu aos alunos que fizessem um desenho de alguma coisa que eles amavam.

Joey desenhou a sua família. Depois, traçou um grande círculo com lápis vermelho ao redor das figuras.

Desejando escrever uma palavra acima do círculo, ele saiu de sua mesinha e foi até a mesa da professora e disse: - Professora, como a gente escreve... ?

Ela não o deixou concluir a pergunta. Mandou-o voltar para o seu lugar e não se atrever mais a interromper a aula.

Joey dobrou o papel e o guardou no bolso. Quando retornou para sua casa, naquele dia, ele se lembrou do desenho e o tirou do bolso. Alisou-o bem sobre a mesa da cozinha, foi até sua mochila, pegou um lápis e olhou para o grande círculo vermelho.

Sua mãe estava preparando o jantar, indo e vindo do fogão para a pia, para a mesa. Ele queria terminar o desenho antes de mostrá-lo para ela e disse: - Mamãe, como a gente escreve...?

- Menino, não dá para ver que estou ocupada agora? Vá brincar lá fora.

E não bata a porta, foi à resposta dela. Ele dobrou o desenho e o guardou no bolso.

Naquela noite, ele tirou outra vez o desenho do bolso. Olhou para o grande círculo vermelho, foi até a cozinha e pegou o lápis. Ele queria terminar o desenho antes de mostrá-lo para seu pai.

Alisou bem as dobras e colocou o desenho no chão da sala, perto da poltrona reclinável do seu pai e disse: - Papai, como a gente escreve...?

- Joey está lendo o jornal e não quero ser interrompido. Vá brincar lá fora. E não bata a porta. O garoto dobrou o desenho e o guardou no bolso.

No dia seguinte, quando sua mãe separava a roupa para lavar, encontrou no bolso da calça do filho enrolados num papel, uma pedrinha, um pedaço de barbante e duas bolinhas de gude. Todos os tesouros que ele catara enquanto brincava fora de casa. Ela nem abriu o papel. Atirou tudo no lixo.


Os anos passaram...




Quando Joey tinha 28 anos, sua filha de cinco anos, Annie fez um desenho.

Era o desenho de sua família. O pai riu quando ela apontou uma figura alta, de forma indefinida e ela disse: - Este aqui é você, papai!

A garota também riu. O pai olhou pra o grande círculo vermelho feito por sua filha, ao redor das figuras e lentamente começou a passar o dedo sobre o círculo.

Annie desceu rapidamente do colo do pai e avisou: eu volto logo! E voltou. Com um lápis na mão.

Acomodaram-se outra vez nos joelhos do pai, posicionou a ponta do lápis perto do topo do grande círculo vermelho e perguntou: - Papai, como a gente escreve amor?

Ele abraçou a filha, tomou a sua mãozinha e a foi conduzindo, devagar, ajudando-a a formar as letras, enquanto dizia: amor, querida, amor se escreve com as letras T... E... M... P... O (TEMPO)

Conjugue o verbo amar todo o tempo.

Use o seu tempo para amar.

Crie um tempo extra para amar, não esquecendo que para os filhos, em especial, o que importa é ter quem ouça e opine quem participe e vibre quem conheça e incentive.

Não espere seu filho ter que descobrir sozinho como se soletra amor, família, afeição.

Por fim, lembre: se você não tiver tempo para amar, crie. Afinal, o ser humano é um poço de criatividade e o tempo...

... Bom, o tempo é uma questão de escolha!

Pense nisso! Com carinho.


André e Raimar.